a-bela-e-a-fera-894x503

 

A conquista começa com um bom papo. A partir de um bom, uma boa  ouvinte,  as coisas  terão chance de começar bem.

A  aparência conta. Dizem os especialistas que  uma pessoa que quer ser apreciada,  o será.

É simples, realmente. A pesquisa mostra que, se você esperar que as pessoas  gostem  de você, elas  provavelmente irão  fazê-lo. Seja  um, uma otimista  social.

Pare de tentar impressionar
Sim, todos nós queremos obter respeito, mas tentar forcar a barra  pode agir contra  você.
Tentando soar inteligente a gente passa por tola, tolo.
Pesquisa da Universidade de Harvard mostra que as pessoas preferem trabalhar com um tolo amável do que um chato competente – mesmo que eles não o admitam.

Incentivar as pessoas a falar sobre si mesmas
As pessoas que  têm problemas para conversar,   sempre se  queixam da mesma  coisa:   “Mas o que eu vou  falar?”
A pergunta é: “Como consigo que uma pessoa fale de  si?”

Falando sobre nós mesmos  desencadeamos uma sensação de  prazer que o  cérebro responde.  Por que? Porque  isso  desencadeia a mesma sensação de prazer como comida ou ter dinheiro. “Auto-revelação é muito gratificante” , revela uma pesquisa dos  neurocientistas de Harvard “As pessoas estavam mesmo dispostos a renunciar dinheiro, a fim de falar de si”.  E quando elas  se abrem, não julgue. Ninguém – incluindo você – gosta de se sentir julgado.

Comentar ()

() Comentários

Sobre mim

Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. Este blog é muito biográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver.


Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por e-mail.




Siga me