As ações realizadas em Balneário Camboriú de proteção e promoção da qualidade de vida aos idosos serão reconhecidas nacionalmente. A cidade receberá nos próximos dias três premiações do Governo Federal e da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ).

No dia 21 de novembro, o prefeito Fabrício Oliveira e a secretária da Pessoa Idosa, Christina Barichello receberão o Prêmio Direitos Humanos 2018 do Ministério dos Direitos Humanos. A premiação é concedida a personalidades, instituições nacionais e internacionais, que focam nas causas sociais. Dentre as personalidades que receberão o prêmio estão a ministra do Supremo tribunal Federal (STF), Carmen Lúcia e o jurista Hélio Bicudo. Já entre as entidades está a UNICEF. A Secretaria da Pessoa Idosa é o único órgão municipal voltado para os 60+ a receber a premiação, que será concedida devido ao trabalhado realizado junto ao Quilombo de Passagem do Morro do Boi, por meio de conversas com psicólogos, pedagogo e historiadora, para entender suas reais necessidades de atendimento médico e básicos, além do resgate cultural e histórico da comunidade.

No dia 26 de novembro será a vez da cidade receber o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa. O programa, que é desenvolvido pelo Ministério de Direitos Humanos, Ministério do Desenvolvimento Social e Secretaria Nacional do Idoso, certifica cidades que investem em ações para a população idosa.

Balneário Camboriú também será premiada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por ter uma das “Melhores Experiências com Idosos do Brasil”. O reconhecimento veio através do Programa ABRAÇO de Proteção ao Idoso. Criado em abril de 2017, o ABRAÇO atende idosos em situação de risco, oferecendo acompanhamentos psicológico, jurídicos e de locomoção. A premiação será realizada em Brasília no dia 29 de novembro. Apenas 14 experiências foram premiadas no país. Desde que foi criado o programa ABRAÇO ao Idoso já realizou 2.684 atendimentos, além de acompanhamento de saúde, sensibilização e o trabalho de convivência nas oficinas da Secretaria da Pessoa Idosa, que hoje são 89, variando em atividades que trabalham o corpo e a mente.

Cerca de 20% da população de Balneário Camboriú é formada por idosos. Dentre eles, muitos que escolheram a cidade para viver após a aposentadoria. O Município tem investido em políticas públicas para este público, buscando garantir cada vez mais qualidade de vida. “O Município deu um salto de 2017 pra cá, criando novas ferramentas para atender as pessoas com mais de 60 anos, dentre elas as diversas oficinas da Secretaria da Pessoa Idosa, que levam lazer, melhoram a saúde e dão qualidade de vida a este público. Já o programa ABRAÇO atendeu uma outra necessidade, a de proteger essas pessoas de uma série de situações e já é exemplo para diversas cidades. Então receber esses três prêmios mostra que estamos no caminho certo, o que nos enche de orgulho”, falou o prefeito, Fabrício Oliveira.

“Estamos extremamente felizes com o reconhecimento nacional, vindo por meio dessas três premiações importantes. O ABRAÇO ao Idoso já está consolidado e o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa vai permitir que o Município participe de ações e estratégias do Governo Federal para os idosos e nos dá uma série de diretrizes para o envelhecimento ativo, desenvolvimento sustentável, atenção integral à saúde, participação social, dentre outras estratégias”, falou a secretária da Pessoa Idosa, Christina Barichello.

Divulgacão

Comentar ()

() Comentários


Sobre mim

Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. Este blog é muito biográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver.