Os 5 Passos do EA

Os 5 Passos do EA

abril 20, 2017 0 Por Thereza Christina Pereira Jorge

1296955291

 

1) Desconstruir manias

Por que desconstruir manias: porque elas pesam. Engordam e acabam cimentadas como parte da personalidade. As manias rapidamente são promovidas a hábitos. E o hábito faz o monge. Os bons hábitos, segundo psicólogos, formam-se durante 90 dias de repetições. Os maus, se adquirem em 24 horas. Alguns em 12, 6 …e outros, os piores, imediatamente.

2) Negociar com o Envelhecer

Receita do Professor Renato Veras, fundador da Universidade da Terceira Idade e seu diretor. Pioneiro em Envelhecimento Ativo no Brasil.
“Os hábitos de uma pessoa são parte dela. Por exemplo, na década de 70, os filmes mostravam os protagonistas como fumantes e isso agregava um enorme glamour a eles. O “negociar” tem a ver com uma mudança de postura do médico? O médico tem que abandonar a postura arrogante, punitiva e coercitiva e se aproximar do indivíduo com muita delicadeza.”

3) Conhecer o seu Limite

Lembra da sua adolescência? O seu corpo era uma caixinha de surpresas. envelhecimento apresenta muitas surpresas nem sempre boas surpresas. Antes de ir ao geriatra (só há 900 geriatras no Brasil, dados oficiais), ao cardiologista é melhor se observar. E registrar a incidência.

Descobri a causa da minha “falsa gripe”. Expor o corpo a temperaturas extremas sem adaptação. Já sei como prevenir e o que tomar (homeopatia).

4) Envelhecer

Envelhecimento Ativo não é a Imortalidade. Não é Rejuvenescer. Envelhecimento Ativo segundo a Organização Mundial de Saúde que criou e propagou o conceito é: envelhecer com qualidade de vida, saúde funcional, exercícios, combate à solidão e isolamento, defesa da autonomia e da independência e um trabalho ou atividade com auto realização. Lazer.

5) Inventar seu envelhecer

A socialite do Bem, Gisella Amaral, carioca, é PHD em invenção do Envelhecer. É linda, tem 75 anos, venceu um câncer “brabo!” e é missionária (secular) incansável da Igreja Católica. Seu marido, Ricardo Amaral, continua apaixonado por ela. Como se não bastasse, é benfeitora de 35 instituições de caridade.

Envelhecimento Ativo (EA)

Thereza Christina Jorge, editora