Tablet para idosos é Fácil e sai por R$ 599,00

tab-produto-2

Se nos smartphones as letras são pequenas, a tela se move muito rápido e, quase sempre, mostra aplicativos demais, a solução para a terceira idade pode ser o TábFácil. Com tela de sete polegadas, vem com Android 7, um processador quad-core, memória RAM de 1 GB, memória interna de 8 GB, duas câmeras bastante modestas — frontal VGA e traseira de 2MP — e conexão 3G.

WhatsApp e Facebook com letras maiores
O software foi modificado e concentra uma série de aplicativos que atendem necessidades do público idoso com bastante praticidade. Os ícones — dos apps que já vêm instalados, assim como dos que forem baixados pelo dono — ganharam letras em tamanho ampliado, facilitando a visualização. Inclui-se nesta lista WhatsApp, Facebook e jogos “das antigas” como damas, truco e palavras cruzadas. O mesmo ocorre com recursos de configurações e botões grandes.

Recurso S.O.S ajuda a chamar a família ou médicos em cado de emergência
Entre os aplicativos, destaca-se o SOS que, se configurado corretamente, pode oferecer contatos telefônicos rápidos de emergência ao usuário do aparelho, caso sinta algum mal-estar e precise de ajuda médica. Já a função Caixa de Remédios permite controlar o horário dos medicamentos. A ideia é facilitar a rotina diária do idoso que, mesmo com dificuldades, não fechou as portas para a tecnologia. O tablet foi inspirado em um celular com objetivos semelhantes, porém mais modesto.

O TábFácil chega às lojas até o final de julho, por R$ 599. A expectativa é de que as vendas em 2017 cheguem a 200 mil unidades — ou 10% das vendas totais da DL.

No   site http://obabox.com, há o TábSênior  para compra.  Sai por R$ 699,00  Televendas –  11 4858-1262

Compacto do  G1

Thereza Christina Pereira Jorge

Iniciamos com Viva com Beleza Envelhecimento Ativo há 10 anos. E estamos aprendendo a Arte de Envelhecer, e que Arte difícil! O site trata da descoberta do meu Envelhecimento Ativo. Consultoria em Envelhecimento Ativo [email protected] Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Estudo há sete anos e Envelhecimento Ativo e escrevo sobre isso. Primeiro no blogue Viva com Beleza e agora no site Arte de Envelhecer. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. O site _ https://www.artedeenvelhecer.com.br _ é muito autobiográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver. Tenho apreciado (às vezes) o meu envelhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo