Vacina, a melhor hora para seu corpo

Uma pesquisa britânica publicada em 25 de abril na revista científica Vaccine mostrou que a probabilidade de imunização eficaz contra gripe é maior se a vacina for aplicada de manhã, em comparação com o período da tarde. O estudo foi feito na Universidade de Birmingham, entre 2011 e 2013, com 276 idosos vacinados contra três tipos (cepas) de vírus da gripe. Um grupo foi vacinado pela manhã, entre 9h e 11h, e outro à tarde, entre 15h e 17h.
As pessoas com mais de 65 anos que foram vacinadas de manhã tiveram, um mês depois, um aumento significativamente maior na concentração de anticorpos, em comparação com aquelas que receberam a vacina à tarde. Já no terceiro tipo de vírus, não houve diferença significativa entre os dois turnos.
Clovis Cechinel, geriatra do Laboratório Frischmann Aisengart, explica que o fato de existirem flutuações na qualidade da resposta do sistema imunológico ao longo do dia já era conhecido. A novidade da pesquisa inglesa foi verificar se essas variações se estenderiam também à quantidade de anticorpos produzidos. “Acho que a mensagem mais importante a se tirar deste estudo é que as vacinas contra a gripe efetivamente funcionam, independentemente da hora do dia em que são aplicadas. Mas se o paciente puder fazer a aplicação pela manhã, melhor”, comenta o médico.
De acordo com a pesquisa, a gripe é responsável por 250 mil a 500 mil mortes todo ano no mundo. E os idosos são os mais afetados, uma vez que a idade avançada faz diminuir a capacidade de o corpo produzir anticorpos adequados após a vacinação. “Uma quantidade significativa de recursos é usada todo ano para tentar prevenir a gripe em idosos, mas menos da metade das aplicações de vacina gera anticorpos suficientes para que eles fiquem totalmente protegidos”, alerta Cechinel.
A equipe da Universidade de Birmingham vai fazer uma investigação em larga escala para verificar se a estratégia de vacinação pela manhã pode beneficiar também idosos que têm diabetes, doenças hepáticas e renais, que prejudicam a imunidade. Os estudiosos também vão pesquisar se a estratégia é eficaz para a vacina pneumocócica, que protege contra a pneumonia e é recomendada no Reino Unido a todas as pessoas com 65 anos ou mais.
Conteúdo http://paranashop.com.br/

Thereza Christina Pereira Jorge

Iniciamos com Viva com Beleza Envelhecimento Ativo há 10 anos. E estamos aprendendo a Arte de Envelhecer, e que Arte difícil! O site trata da descoberta do meu Envelhecimento Ativo. Consultoria em Envelhecimento Ativo [email protected] Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Estudo há sete anos e Envelhecimento Ativo e escrevo sobre isso. Primeiro no blogue Viva com Beleza e agora no site Arte de Envelhecer. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. O site _ https://www.artedeenvelhecer.com.br _ é muito autobiográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver. Tenho apreciado (às vezes) o meu envelhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo