Camboriú, a utopia do Brasil Idoso amigo do idoso

Hoje se comemora no mundo todo o Dia Internacional do Idoso. Balneário Camboriú, em Santa Catarina,  se tornou referência no cuidado e promoção da saúde e qualidade de vida dos “60+” – como na cidade são chamadas as pessoas com mais de sessenta anos. Em quase dois anos, o município remodelou a Secretaria da Pessoa Idosa, criando 87 oficinas que realizam em média 7 mil atendimentos mensais, criou o ABRAÇO – Programa de Proteção ao Idoso; e em breve será certificada com o Selo Cidade Amiga do Idoso. Hoje, Balneário Camboriú é referência nacional e para celebrar tantas conquistas, uma programação especial será realizada na tarde de segunda-feira.

Um dos destaques da programação será o lançamento de seis livros escritos pelos idosos que participam da oficina “Histórias da Minha Vida”. Criada em junho do ano passado, a oficina tinha a proposta de resgatar fatos guardados na memória dos participantes. Além do relato oral, feito a cada encontro, eles foram estimulados a colocar no papel suas histórias. O resultado foi tão positivo, que seis deles lançarão seus livros, às 15h30. A programação do Dia Internacional do Idoso começa às 13h30. Terá bingo com diversos brindes doados pela comunidade e também por idosos voluntários; show de talentos dentre outras atividades.

“A atenção e o cuidado com os amigos que tem mais de 60 anos em nossa cidade são, em primeiro lugar, uma resposta à dedicação e ao esforço para com aqueles que já deram sua cota de contribuição e trabalho à sociedade ao longo da vida, depois, a consolidação de uma política pública de inclusão que tem que ser constantemente aprimorada, e que em nossa cidade buscamos ser referência. Então parabéns a todos os envolvidos nesse esforço que já da tão bons frutos”, disse o prefeito, Fabrício Oliveira.

“Hoje, 33% da população de Balneário Camboriú tem mais de 60 anos. Por isso o Município está investindo em políticas públicas reais para atender esse público e nos tornamos referência no país porque aqui se estimula o envelhecimento saudável, com qualidade de vida. No início de 2017 a Secretaria da Pessoa Idosa tinha 169 cadastros em carteirinhas e uma oficina. Hoje são cerca de 7 mil atendimentos em 87 oficinas, dentre elas a de línguas onde os idosos podem aprender inglês, espanhol, francês e alemão; o Pense Leve que estimula os idosos a terem um projeto de vida após a aposentadoria; o 60+ no Mercado de Trabalho onde também resgatamos os vínculos sociais rompidos durante a aposentadoria; além do ABRAÇO que está protegendo os idosos contra abusos e maus-tratos”, enumerou a secretária da Pessoa Idosa, Christina Barichello.

O Programa ABRAÇO foi criado em abril de 2017 e é formado por pedagoga, psicóloga, assistente social, uma advogada e um administrador. Negligência, violência psicológica, consultas psicológicas e assessoria jurídica são alguns dos atendimentos prestados pelo programa. O atendimento do ABRAÇO é 24h, por meio de plantão telefônico, no (47) 3363-3020 ou presencial, de segunda a sexta-feira, na Secretaria da Pessoa Idosa, situada na Rua 1822 n° 614, entre a 3ª e a 4ª Avenida. O programa conta com apoio do Ministério Público, Guarda Municipal, Polícia Militar e SAMU.

Em breve, a cidade receberá o Selo Cidade Amiga do Idoso. Um dos últimos requisitos para a certificação é a conclusão do Censo do Idoso, prevista para outubro. O levantamento vai mostrar qual o perfil dos 60+ que vivem na cidade; o que eles pensam, quais suas expectativas, faixa etária, onde vivem, questão social, equipamentos públicos para este público, dentre outros.

Prefeitura BC

Thereza Christina Pereira Jorge

Iniciamos com Viva com Beleza Envelhecimento Ativo há 10 anos. E estamos aprendendo a Arte de Envelhecer, e que Arte difícil! O site trata da descoberta do meu Envelhecimento Ativo. Consultoria em Envelhecimento Ativo [email protected] Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Estudo há sete anos e Envelhecimento Ativo e escrevo sobre isso. Primeiro no blogue Viva com Beleza e agora no site Arte de Envelhecer. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. O site _ https://www.artedeenvelhecer.com.br _ é muito autobiográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver. Tenho apreciado (às vezes) o meu envelhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo