Copacabana, 130 anos

 

Nota publicada no Portal Ana Maria Ramalho, 16/11/21

O Prefeito Eduardo Paes já recebeu o projeto “Copacabana,130 anos” em julho do ano que vem, com a programação dos festejos do bairro brasileiro  com maior número de idosos. O padrinho das comemorações, o médico gerontólogo Alexandre Kalache,  sugere um presente. Como o bairro paulista de Vila Clementino, a Princesinha do Mar também receba o título de “Bairro Amigo do Idoso”. Kalache, 76 anos,  nasceu e mora na Av. Atlântica.

Projeto “Copacabana 130 anos”

130 anos da Princesinha do Mar

Copacabana, bairro com a maior concentração de idosos do Brasil

​Quando? 6 de julho  de 2022, quarta-feira.

Os festejos começam no domingo, 3 de julho.

Onde? Vários locais do Bairro

Justificativa

​Em uma área de 7,84 quilômetros quadrados da cidade do Rio de Janeiro vivem 140 mil pessoas e desse total, segundo o IBGE, 43 mil têm mais de 60 anos. Com um terço de moradores nessa faixa etária, Copacabana é o bairro da terceira idade.

A facilidade para encontrar qualquer coisa necessária ao dia- a -dia em Copacabana tem grande atração para a terceira idade. O consumo é um dos seus pontos altos.  O bairro representa o maior ICM do município do Rio de Janeiro.

Abertura 

Quando? 12h, 4 de julho, domingo

O quê: Uma passeata  “Eu Amo Copacabana”,

Onde?  Avenida Atlântica, do posto Zero ao 6

Som:  banda tocando as músicas que imortalizaram o bairro. Sábado em Copacabana, por exemplo.

A UnATI será muito bem-vinda participando dessa passeata.

A UnATI será muito bem-vinda integrando a banda de música.

Festejo

Presentear o bairro com o título “Copacabana, cidade amiga do idoso pelos seus 130 anos”. 

Quando? 6 de julho, terça-feira, dia do aniversário.

Horário: 20h

Onde? Clube Marimbás

O quê? Solenidade para a entrega do presente à aniversariante: o título da Câmara dos Vereadores: “Copacabana, cidade amiga do idoso”.

Cidade Amiga do Idoso é a proposta da Organização Mundial da  Saúde (OMS) para cidades com ambientes que favorecem a prática do Envelhecimento Ativo e desejam participar do movimento que reúne centenas de cidades no mundo todo.

O Envelhecimento Ativo é o conceito da Organização Mundial da Saúde para proporcionar longevidade associada à qualidade de vida. Copacabana já possui equipamentos, práticas e modo de vida de uma Cidade Amiga do Idoso.

Por que esse presente? Todas as sugestões do modelo Cidade Amiga do Idoso, da OMS, são encontradas no bairro.

O lugar ideal para ser o centro brasileiro da divulgação do Envelhecimento Ativo aos seus moradores. Alexandre Kalache, médico e grande divulgador do conceito, nasceu e mora em Copacabana.

Kalache era diretor da OMS na  criação  das propostas de Envelhecimento Ativo e Cidade Amiga do Idoso diante do envelhecimento demográfico mundial.

Entrega dos diplomas de cidadão/cidadã amigo/a de Copacabana

Objetivo: administrar a manutenção dos bens do bairro. Tombados ou não. 18h. Marimbás

Apresentação do vídeo: Bem de Copa (gente, monumentos, espaços)

A  UnATI pode apoiar esta proposta junto à Câmara dos Vereadores e à opinião pública.

A UnATI será muito bem-vinda fazendo o vídeo dos Bens de Copa (tenho a relação)

A UnATI  também será bem-vinda fotografando os locais.

Baile Anos 50 no Marimbás. 21h. 

Sábado, 9 de julho, 21h

A UnATi também será muito bem-vinda participando do Baile Anos 50.

Thereza Christina Jorge

www.artedeenvelhecer.com.br/ 

outubro de 2021

 

Thereza Christina Pereira Jorge

Iniciamos com Viva com Beleza Envelhecimento Ativo há 10 anos. E estamos aprendendo a Arte de Envelhecer, e que Arte difícil! O site trata da descoberta do meu Envelhecimento Ativo. Consultoria em Envelhecimento Ativo [email protected] Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Estudo há sete anos e Envelhecimento Ativo e escrevo sobre isso. Primeiro no blogue Viva com Beleza e agora no site Arte de Envelhecer. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. O site _ https://www.artedeenvelhecer.com.br _ é muito autobiográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver. Tenho apreciado (às vezes) o meu envelhecer.

2 comentários em “Copacabana, 130 anos

  1. Excelente!..
    Uma conscientização ainda rara e esparsa na maioria das sociedades no mundo inteiro até hoje. E cada vez mais necessária, como algo de que não se pode prescindir mais diante do aumento crescente da faixa etária da população brasileira e mundial.
    Parabéns ao movimento, à organização, e aos seus membros, fundadora e agregados, pelos quais agradeço particularmente diante dos meus anos de vida e da perspectiva dessa ser mais longeva do que a média de meus pares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo