Mesas 2 em 1: Natal e Ano Novo bem resolvidos

dezembro 18, 2018 0 Por Thereza Christina Pereira Jorge

Natal e réveillon são festas que, se celebradas como manda a tradição, acabam se desdobrando em duas: uma na véspera, com ceia, outra no dia seguinte, com um almoço ou brunch. Assim, pensando em quem está se preparando para receber neste fim de ano, o Casa convidou duas especialistas no assunto para elaborar, cada uma, a sua versão de uma mesa dois em um.

Para a noite de véspera de Natal, no dia 24, a arquiteta e blogger Giselle Martos produziu uma mesa tipo buffet que explora diversos elementos decorativos e emprega suportes de madeira, com alturas diversas, para dispor os pratos. Uma solução criativa que pode ser feita com o que cada um tiver em casa e ainda sem gastar uma fortuna.“O papel kraft, que usei para forrar a mesa, é super barato.

O musgo então, nem se fala. E eles fazem toda a diferença nesta proposta”, comenta ela, que ainda acrescentou pequenas bolas e lâmpadas de LED a pilha, novidade nas lojas este ano, para trazer um visual de árvore de Natal a composição.
Outra solução de efeito foi escrever com caneta retroprojetora sobre vários elementos de sua mesa. Nos copos, ela sugere que cada pessoa escreva a sua mensagem e, assim, deixe a sua marca registrada na festa.

Para o dia seguinte, Giselle deu continuidade à ideia e usou e abusou do recurso. “Imaginei a mesa do dia 25 para um almoço sentado.Criei um arranjo no centro, a partir das sacolas dos presentes recebidos, musgo e as árvores miniaturas que estavam na decoração da noite anterior”, explica. E, já que se trata de um almoço, sem luzinhas e com muitas fitas vermelhas. “Enfim, trata-se de uma mesa descolada”, sintetiza a blogger.

Veja no link abaixo a transformação para o almoço de Natal

https://emais.estadao.com.br/noticias/casa-e-decoracao,aprenda-a-montar-uma-mesa-que-funciona-para-a-vespera-e-o-almoco-de-natal,70002646515?utm_source=estadao:mail&utm_medium=link

 

Dois em um: saiba como arrumar sua mesa para a ceia de Ano Novo e o brunch do primeiro dia do ano

Elaborar mesas de réveillon sempre agradou à consultora de estilo Virgínia Lamarco. “As minhas produções para a data sempre são cheias de simbolismos do que desejo para o próximo ano. No caso, quero que as pessoas tenham mais tempo para si e para se relacionarem, daí as ampulhetas. Desejo fartura, simbolizada pelos ramos de papirus, e sorte que só poderia ser representada pelos trevos de quatro folhas”, explica ela, ao apresentar sua mesa para o jantar da virada, que se transforma em palco de um brunch no primeiro dia do ano.

Como grande destaque, a presença de vários itens descartáveis, o que, fatalmente, colabora para a vida de qualquer anfitrião, desde que, não dispense um toque mais pessoal. “É importante que a decoração contenha peças da casa como taças ou talheres. Eles traduzem a personalidade de quem está recebendo”, diz.

E a carga simbólica da data continua e se amplia no brunch do dia seguinte. Os papirus viram arranjo em um vaso repleto de lentilhas e o sal grosso dá suporte para os mexedores de suco. “A ideia foi apresentar uma mesa mais descontraída para o primeiro dia do ano. Assim, ela permanece posta e quem for chegando, a qualquer hora do dia, pode se servir no seu tempo. Sem pressa, claro”, finaliza Virgínia que batizou sua criação de mesa Tempo.

Veja no  link abaixo a transformação para o brunch ou almoço de Ano Novo

https://emais.estadao.com.br/noticias/casa-e-decoracao,dois-em-um-saiba-como-arrumar-sua-mesa-para-a-ceia-de-ano-novo-e-o-brunch-do-primeiro-dia-do-ano,70002646579

Estadão