Portugal sai na frente: 200 milhões de euros para reinventar seu Envelhecimento

Nesta segunda-feira, a ministra Ana Mendes Godinho, do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social,  anunciou a liberação de 200 ME (milhões de euros) para financiar projetos que inovem as condições de saúde, moradia e convívio social dos seus idosos. A solidão é apontada como o pior problema dos velhos portugueses.

Leio muito a cobertura da mídia portuguesa sobre o envelhecimento do seu povo. É sempre de muita qualidade e sensível aos problemas que os idosos e idosas sofrem principalmente sozinhos. Recentemente, o reitor da Universidade da Madeira Pedro Telhado Pereira e colunista do Diário de Notícias PT, definiu o problema que Portugal deve ter prioridade em buscar solução.

Na conclusão, Pedro coloca para os leitores duas saídas em relação ao destino dos idosos. Ele afirma que há dois modelos de uma sociedade envelhecida. Uma é direcionar os velhos para uma estrutura residencial (os asilos) ou dar às famílias condições de cuidar dos seus velhos. Ele cita o caso do home office ser liberado para os filhos que cuidam de seus pais. E sugere outros benefícios.

A seu ver, para atender aos 86%  dos entrevistados que escolheram morar com os seus queridos numa pesquisa feita recentemente, Pedro Telhado Pereira afirma que o Governo deve fazer uma  campanha para que os filhos recebam seus pais depois que estes perdem a independência. Para tanto,  assim como as autoridades facilitam a vida daqueles que têm filhos pequenos, devem motivar através de políticas públicas as famílias que desejam ou precisam acolher os seus queridos para um  envelhecimento emocional e economicamente mais bem-sucedido.

Quem sabe a gente pode pensar algo parecido aqui, para o nosso Brasil Idoso.

Thereza Christina Pereira Jorge

 

As mídias a que me referi  acima são o Diário de Notícias PT (Portugal) e o https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias.

Thereza Christina Pereira Jorge

Iniciamos com Viva com Beleza Envelhecimento Ativo há 10 anos. E estamos aprendendo a Arte de Envelhecer, e que Arte difícil! O site trata da descoberta do meu Envelhecimento Ativo. Consultoria em Envelhecimento Ativo [email protected] Meu nome é Thereza Christina Pereira Jorge, sou carioca, mãe de dois filhos, jornalista. Estudo há sete anos e Envelhecimento Ativo e escrevo sobre isso. Primeiro no blogue Viva com Beleza e agora no site Arte de Envelhecer. Fui repórter-editora nos jornais O Globo e sucursal Rio de O Estado de São Paulo. Trabalhei nas revistas femininas da Editora Bloch e na revista Isto É, também na sucursal. Sou formada em Ciências Sociais pela UFRJ. O site _ https://www.artedeenvelhecer.com.br _ é muito autobiográfico porque estou descobrindo e praticando o que a OMS definiu como Envelhecimento Ativo. Amo a vida e o viver. Tenho apreciado (às vezes) o meu envelhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo